fbpx

Seu Escritor Favorito

Plínio Camilo

Preto de pai, mãe, irmãos e filha.
Com cinquenta e um, lanço o primeiro romance: O NAMORADO DO PAPAI RONCA. Também meu primeiro livro solo. Aos cinquenta e três, o segundo livro, CORAÇÃO PELUDO, uma coletânea de contos. Aos cinquenta e cinco, louvo os meus antepassados com o livro OUTRAS VOZES. Aos cinquenta e sete, quase tudo junto, soltei: DE RUA, contos sobre meninos e meninada de ruas, BOMBONS SORTIDOS, uma coleção de dez livretos e LUIZA, uma novela sobre uma negra contadora de histórias. No momento seguinte, cometi algumas NOTAS DE ESCURECIMENTO
Hoje, com quase sessenta me revejo:
Black Ator Preto!

BALBINA

Por Plínio Camillo Guaraná revigora e traz firmeza nas ideias. Balbina, perante a Inquisição, apesar de ser e negra cafuzada, ...
Leia Mais

Fale com o Autor